Reconhecida no Brasil e no exterior, Revolução dos Baldinhos padece por falta de apoio local e comunidade perde 60 toneladas de composto orgânico

Relato do agrônomo Marcos José de Abreu, do Cepagro, sobre a remoção indevida de 60 toneladas de composto orgânico produzidos pela Revolução dos Baldinhos

“Mesmo sendo tratado como um grande exemplo em desenvolvimento sustentável, trabalho comunitário, empoderamento de jovens e modelo de gestão comunitária de resíduos a Revolução dos Baldinhos não tem apoio direto do poder público local.

Desde ontem (06/07), a COHAB contratou uma empresa para limpar o terreno que há mais de 01 ano utilizamos como pátio de compostagem. Sem avisar ninguém, levaram todo o composto, quase 60 Toneladas de adubo orgânico pronto, trabalho de muitos jovens da comunidade que estavam apenas esperando para peneirar, empacotar e vender, transformando o lixo em geração de Renda.”

VEJA TAMBÉM:

Revolução dos Baldinhos na Cúpula dos Povos e Rio + 20

Representada por Lene, Karol, Monique e Cintia (Comunidade Chico Mendes) e Marcos de Abreu (Cepagro), a Revolução esteve no Rio de Janeiro realizando as seguintes atividades:
– Mesa redonda na RIO+20 com representantes mundias para a Transição no mundo, desde movimentos de ecovilas, até cidades em transição e Gaia Home.
– Oficina de compostagem do Restaurante Popular para a Cúpula dos Povos
– Oficinas nas feiras orgânicas do Circuito de feiras do Rio (Ipanema, Tijuca e Jardim Botânico)
– Oficina na comunidade do Morro da Formiga
– Conferência do Slow Food com o presidente Carlos Petrini

Clique na imagem para ver o álbum:

Revolução dos Baldinhos no Planeta Sustentável (Ed. Abril) – Matéria do jornalista Tadeu Meyer (clique para ler na íntegra)

Revolução dos Baldinhos no Caderno Continente do Diário Catarinense (clique para ler na íntegra):

Revolução dos Baldinhos na revista Globo Rural (clique para ler na íntegra):

Anúncios

Cepagro participará da Rio+20 e Cúpula dos Povos no RJ

Vejam abaixo a programação do Cepagro durante os eventos da próxima semana no Rio de Janeiro (Rio+20 e Cúpula dos Povos):

Na Rio+20

17/06, das 12h às 14:30: Encontro para Sinergia na Transição (auditório 03, Arena da Barra, aberto ao público).

O agrônomo do Cepagro Marcos José de Abreu, da Revolução do Baldinhos, formará uma mesa de apresentações e debates com:

Dominic Barter – Comunicação Não Violent

Fabián Schvartzman – Água Educaçao da UNESCO

Kosha Anja Joubert – Global Ecovillage Network

John Croft – Dragon Dreaming

May East – Gaia Education

Taisa Mattos – Transition Towns Brasil

Tamara Rezende – Art Of Hosting Brasil

 

Na Cúpula dos Povos

 

  •      Territórios do Futuro – Faremos a compostagem dos resíduos do restaurante popular que fica próximo ao espaço da cúpula dos povos

 

Data Horario ORGANIZAÇÃO NOME DA ATIVIDADE Sala-tenda Nome
18 14H-16H CEPAGRO – Centro de Estudos e Promoção da Agricultura de Grupo Projeto Agricultura Urbana e a Revolução dos Baldinhos oficina teórica desta experiência e prática de compostagem termofílica t1f Leila Diniz
22 9H-11 CEPAGRO – Centro de Estudos e Promoção da Agricultura de Grupo Projeto Agricultura Urbana e a Revolução dos Baldinhos oficina teórica desta experiência e prática de compostagem termofílica t1f Leila Diniz

 

  • Atividades Auto-gestionadas – estaremos falando da importância da compostagem para a Agricultura Urbana de base ecológica e também mostrando o ciclo do alimento e da vida.
19 8:30H-12:30H Slow Food Práticas para uma alimentação Sustentável: da produção ao consumo e destino dos alimentos Tenda E Chico Science

 

 

  •       Circuitos de Feiras – acontecem sempre das 8h – 12h, estaremos mostrando o trabalho da compostagem e da Agricultura Urbana através da Revolução dos Baldinhos

19 de junho, terça-feira: Feira de Ipanema (Praça Nossa Senhora da Paz)

21 de junho, quinta-feira: Feira da Tijuca (Praça Afonso Pena)

23 de junho, sábado: Feiras do Jardim Botânico (Praça da Igreja São José da Lagoa) e do Bairro Peixoto (Praça Edmundo Bittencourt)

Além disso,  estaremos realizando 03 oficinas em 03 diferentes comunidades da periferia do Rio organizada pelo CONSEA/RJ (Conselho de Segurança Alimentar do Rio de Janeiro)

Encontro Ampliado da Rede Ecovida movimentou Florianópolis no final de maio

Equipe do Cepagro esteve integralmente envolvida com a organização do Encontro Ampliado da Rede Ecovida, que trouxe aproximadamente 1.000 agricultores e técnicos extensionistas de todo Sul do Brasil, reunidos em torno da Agroecologia em variados espaços: uma grande feira de produtos agroecológicos, 4 Seminários temáticos, 35 oficinas e programação cultural.

Aguardem, em breve, postagens com encaminhamentos das Plenárias e álbuns de fotos de todo o evento.

Abaixo, notícia veiculada sobre o evento no Diário Catarinense (29/05/2012).

“Velho Engenho Novo” foi lançado na Feira de Saberes e Sabores

Documentário retratando 7 Engenhos de Farinha da grande Florianópolis, produzido pelo Cepagro (Ponto de Cultura Engenhos de Farinha), foi lançado durante a Feira de Saberes e Sabores.

Na plateia estavam proprietários dos Engenhos, técnicos e agricultores agroecológicos que participavam do 8o. Encontro Ampliado da Rede Ecovida. A exibição foi viabilizada pela parceria com o Cineclube Armação / Ponto de Cultura Baleeira.

Saiba mais sobre o filme na notícia abaixo (Notícias do Dia, 29/05/2012)

Assessoradas pela Revolução dos Baldinhos, unidades do SESC implementam sistema de compostagem

Colaboradores do SESC aprendem compostagem com monitoras da Revolução dos Baldinhos

A partir da próxima semana, um pátio de compostagem passará a funcionar nas dependências do SESC Cacupé (Florianópolis). Nele serão recicladas as sobras orgânicas desta unidade, além dos resíduos gerados nas unidades da Prainha e do Estreito que serão diariamente transportadas ao local.

Com restaurantes voltados aos comerciários e abertos ao público, as 3 unidades produzem  uma média de 2.000 refeições por dia. A separação dos resíduos orgânicos já existia, porém o destino final sempre foi um problema. Foi buscando a solução correta que o setor de educação do SESC formalizou parceria com o Cepagro, tendo a compostagem e a metodologia comunitária adotada na Revolução dos Baldinhos como parâmetros.

Colaboradores das unidades do Cacupé, Prainha e Estreito visitaram grandes pátios de compostagem na cidade. Ontem (27/03), estiveram no pátio da Revolução no bairro Monte Cristo, aprendendo com as monitoras locais as técnicas de montagem e gestão das leiras. Até dezembro, um técnico do Cepagro está destacado para fazer o monitoramento semanal da compostagem no SESC Cacupé, enquanto a metodologia for incorporada à dinâmica das equipes de trabalho.

Além de optar por uma solução ambientalmente correta, o SESC atua também no sentido de adequar-se à nova legislação brasileira de resíduos sólidos, que prevê maiores responsabilidades para os grandes geradores e o tratamento local dos resíduos. A compostagem será um projeto-piloto, que os organizadores esperam que sirva de referência para outras unidades do Estado e do Brasil.

 

Litoral Catarinense e Planalto Serrano unidos na construção do Encontro Ampliado da rede Ecovida

Em maio de 2012, Florianópolis receberá cerca de 800 agricultores familiares agroecológicos do Sul do Brasil para o 8o. Encontro Ampliado da Rede Ecovida de Agroecologia.

Seminários, oficinas, atrações culturais e uma grande feira agroecológica irão compor o evento realizado nas dependências da UFSC, unindo agricultores, comunidade universitária e a população de Florianópolis em torno das temáticas da produção e acesso aos alimentos ecológicos de qualidade. A Rede Ecovida é composta por 26 Núcleos localizados em RS, PR, SC e sul de SP, que articulam-se em torno da produção agroecológica gerando referências inovadoras, como a consolidação da Certificação Participativa e um Circuito de Comercialização organizado pelos próprios agricultores.

A organização do evento compete aos Núcleos Litoral Catarinense e Planalto Serrano da Rede Ecovida.

Clique na imagem abaixo para saber mais.