Alunos do NEI Armação cultivam alimentos e aprendizados com Horta Agroecológica

Compostagem, orgânicos e alimentação saudável são palavras que as crianças do Núcleo de Ensino Infantil Municipal Armação conhecem bem. Desde o início do ano, as turmas de 5 e 6 anos aprendem na prática o ciclo dos alimentos orgânicos na Horta Pedagógica assessorada pela engenheira agrônoma Karina Smania de Lorenzi, da equipe técnica do Cepagro. A atividade faz parte da Rede de Fortalecimento da Segurança Alimentar Nutricional no âmbito da alimentação escolar (ReforSAN Escolar), um projeto multidisciplinar financiado por edital do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ) e realizado em conjunto com professoras do curso de Nutrição da UFSC que abrange a pesquisa, o ensino e a extensão.

A horta do NEI Armação já existia, mas estava há algum tempo desativada e sem cuidados. Com o trabalho que Karina vem realizando junto com as crianças, o espaço se tornou um ambiente de aprendizado sobre gestão de resíduos, agroecologia e alimentação saudável, três temas abordados ao longo do ano letivo. “A horta agroecológica é usada como uma ferramenta pedagógica para trabalhar o que as crianças aprendem em sala de aula: são atividades bem lúdicas como cânticos, contação de histórias, jogos e brincadeiras”, conta Karina Smania de Lorenzi.

Além da horta, outro espaço onde as crianças colocam a mão na terra é a composteira. Toda semana dois alunos ficam responsáveis por trazer para a aula os resíduos orgânicos gerados em casa. Assim, o que elas aprendem na escola é repassado também para os pais. É o que conta a professora Márcia Margarete do Nascimento: “A gente está percebendo que as crianças estão ensinado em casa os seus pais a saberem reciclar o seu lixo, saber que eles podem colocar na natureza e o que não podem. Então a horta está fazendo uma diferença muito grande não só na sala de aula mas para outras turmas e para a família”.

E a atividade da composteira não beneficia somente as crianças e os pais, “na escola muitos alimentos estavam sendo descartados e jogados fora no lixo comum, com as composteiras a gente está começando a produzir composto pra colocar na nossa horta”, conta ainda a professora. Até o final do ano, o tomate, a alface, a couve e a cenoura que as crianças estão vendo brotar na horta vão se transformar em receitas que eles mesmos vão poder fazer, junto das nutricionistas e cozinheiras do NEI Armação.

A partir das atividades na horta, as crianças desenvolvem uma relação de harmonia com a natureza. Com o minhocário dentro da sala de aula, elas aprendem como as minhocas e a centopeia Jujuba são importantes para a horta e para a natureza. É um trabalho completo que traz a horta e o cuidado com a natureza para o cotidiano das crianças.

Saiba mais sobre nossa assessoria a Hortas Escolares ou solicite um orçamento pelo e-mail: hortaescolar@cepagro.org.br.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s