Cooperativa de agricultores de Major Gercino inaugura agroindústria de sucos e geleia de uva

A agricultura familiar de Major Gercino obteve mais uma conquista na última sexta-feira, 15 de junho: foi inaugurada a agroindústria de Suco de Uva e Geleia da Coopermajor, cooperativa formada por agricultores município do Alto Vale do Rio Tijucas. A agroindústria, situada no Distrito de Pinheiral, conta com dez viticultores associados e já começou a funcionar. O Cepagro esteve presente na solenidade de inauguração, junto com IMG_2662o Prefeito de Major Gercino, Valmor Pedro Kammers, o Secretário da Agricultura do município, Valdecir Marchi, o engenheiro agrônomo extensionista da Epagri, Remy Simão e o presidente da Coopermajor, Elvino Staroski, além dos agricultores que compõem a cooperativa. De acordo com Elvino, até agora, cerca de 4 mil litros de sucos já foram processados ali. A produção é feita separadamente pelos agricultores, mas a comercialização, que deve iniciar em breve utilizará uma só rotulagem. A agroindústria processará tanto uvas convencionais quanto orgânicas, estas certificadas pela Rede Ecovida de Agroecologia. 

Para o presidente da Coopermajor, a agroindústria beneficia os associados principalmente no valor da venda. Se antes a uva era vendida à granel e com um preço estipulado, muitas vezes, pelo comprador, com a venda do suco, a valorização do produto e do produtor aumentam. “A gente foi conversando em reuniões e viu que tinha um meio de agregar mais valor e nos juntamos. Hoje a gente está com 10 associados nomeados e com um preço bem melhor do suco do que com a uva vendida a granel”, conta Elvino. Nenhuma garrafa foi comercializada até agora, mas a produção já está acontecendo desde fevereiro deste ano.

O investimento para a concretização da Indústria veio em grande parte dos próprios agricultores associados e contou também com recursos do programa SC Rural, do Governo do estado de Santa Catarina, mobilizados através da Epagri. Além disso, a produção dos sucos e geleias, que serão em parte orgânicos, conta com a certificação participativa da Rede Ecovida de Agroecologia, da qual Aloísio, Salete e outros agricultores familiares da região fazem parte.

IMG_2667Depois das falas iniciais da cerimônia, Valdecir Marchi, Secretário da Agricultura e Meio Ambiente do município, falou um pouco sobre a história da cooperativa e fez um agradecimento especial à Aloísio e Salete Stolarczk, casal de agricultores associados que doaram o terreno para a construção da indústria da Coopermajor.

IMG_2676Após os agradecimentos, os presentes assistiram à palestra com o enólogo Stevan Arcari, que explicou um pouco sobre o novo sistema de produção do suco, não mais feito em panelas e com evaporação, mas por meio de um processo enzimático. Segundo Stevan, os viticultores que produzirem no maquinário da indústria terão a vantagem de fabricar um suco integral, feito com pura uva, colhida de manhã e processada a noite – vantagem ainda maior para aqueles que utilizarem uvas orgânicas.

O enólogo ainda lembrou que o custo final do suco pode até ficar um pouco maior, se comparado à grandes empresas produtoras. Mas essa característica é compensada levando em conta toda a qualidade embutida no produto, vindo de agricultura familiar e fruto de uma cooperativa.

IMG_2698Após a palestra, os casais associados, Aloísio e Salete e Elvino e Ana, cortaram a fita de inauguração e os presentes puderam fazer uma visita ao interior da fábrica. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s