Projeto Cepagro/FRBL completa dois anos de atividades

Cerca de 40 pessoas participaram do Seminário de Diversificação Agreocológica na Agricultura Familiar que marcou o segundo ano de atividade do Projeto Cepagro/FRBL, que estimula a transição para a agroecologia como alternativa ao sistema integrado da fumicultura. O seminário foi realizado no salão da Igreja Luterana da comunidade Barra Negra, em Major Gercino, no último dia 20 de outubro (quinta-feira) e contou também com a participação do Promotor de Justiça João Alexandre Massulini Acosta, coordenador de Centro de Apoio Operacional do Consumidor do Ministério Público de Santa Catarina. Além de uma apresentação sobre as atividades realizadas ao longo dos dois anos do projeto, também foi lançado o vídeo “Agroecologia: uma alternativa ao cultivo de tabaco” e tirados encaminhamentos para propostas futuras.

dsc_0120
Primeiro Seminário de mobilização, em agosto de 2014
????????????????????????????????????
Seminário realizado na última quinta, 20 de outubro.

O aumento da participação dos agricultores e agricultoras de Major Gercino, Nova Trento e Leoberto Leal que percebemos nas fotos também era visível durante o Seminário. Os técnicos Francys Pacheco e Gisa Garcia trouxeram um panorama das atividades realizadas durante o projeto, que incluíram oficinas, intercâmbios e seminários. Também apresentaram uma sistematização de dados sobre as propriedades rurais das famílias beneficiárias. Na sequência, o promotor João Alexandre Massulini Acosta comentou o trabalho do Cepagro, ressaltando também as ações do Ministério Público de Santa Catarina pela redução do uso de agrotóxicos através do Programa Alimento Sem Risco.

????????????????????????????????????
Promotor João Alexandre Acosta fala sobre o Programa Alimento Sem Risco, do MP/SC

 

 

 

 

 

 

 

 

Outro momento importante do Seminário foi a apresentação dos agricultores Ernande Stolarczk e Carla Will sobre o grupo Associada da Rede Ecovida de Agroecologia, que reúne famílias de Nova Trento e Major Gercino. A integração a estes grupos é uma das estratégias do Cepagro para estimular a transição da fumicultura para a agroecologia. Enquanto Ernande explicou a dinâmica das reuniões em que funciona o sistema participativo de garantia, Carla falou sobre as demandas de alimentos para a agroindústria de conservas e geleias Will. A Conservas Will foi estruturada em 2001 como uma alternativa para a família de Carla e de seus tios poderem sair da produção de tabaco.

????????????????????????????????????

O Projeto Cepagro/FRBL encerra suas atividades no final deste ano, mas a organização já está estruturando uma nova proposta para continuar promovendo a agroecologia na região. Neste sentido, foram levantadas demandas junto aos participantes do Seminário. A distribuição de sementes agroecológicas – realizada ao longo do projeto e também no Seminário – e de mudas de frutíferas foi uma das mais apoiadas, assim como a necessidade de melhorar o diálogo com as Secretarias de Educação no âmbito do fornecimento de produtos para a alimentação escolar. A assistência técnica em práticas agroecológicas também é sempre bem vinda buscada pelos agricultores.

????????????????????????????????????

baixa26

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s